24.10.07

malditas maldições

As maldições chegam até mesmo ao blog...

Quem me passou a praga foi a Karen.

1. Pegar um livro próximo (PRÓXIMO, não procure);
2. Abra-o na página 161;
3. Procurar a 5ª frase, completa;
4. Postar essa frase em seu blog;
5. Não escolher a melhor frase nem o melhor livro;
6. Repassar para outros 5 blogs.

"Você me preocupa, Josef! Serei franco. Estou realmente preocupado com você. Porque uma beldade russa desconhecida conversou com você, quer tratar de um maluco que não quer ser tratado por uma doença que nega ter. E agora me diz que deseja fazê-lo grátis. Diga-me - disse Max, apontando o dedo para Breuer -, quem é mais maluco: você ou ele?" (Quando Nietzsche chorou", Irvin D. Yalom).

Não quero amaldiçoar ninguém, thanks.

Um comentário:

Ligia disse...

hauauhauha eu gostei dessa "maldição"