17.5.07

Atlas resolve tirar férias

Desde quando Atlas passou o peso do mundo para mim?

Talvez não seja o peso do mundo. Mas o peso das escolhas. Tanto faz! Ambos pesam sobre meus ombros e me fatigam imensamente.

Atlas foi condenado por Zeus a sustentar eternamente o céu sobre seus ombros. Atlas era titã, fez sua escolha ao tentar destruir os deuses olímpicos. Paga por ela.

Mas o ser mitológico cansou-se. Passou o peso a mim, ou talvez parte dele. Seria também pelas minhas escolhas?

Não me parecem escolhas erradas. Não são.

O importante é que eu tenha a responsabilidade de carregar esse peso sozinho, reconhecendo minhas escolhas.

Dói, entretanto, dói muito.

3 comentários:

Ju disse...

Às vezes dividir o peso é bom. Não é negar responsabilidades, é apenas contar com uma ajudinha extra.

E por acaso isso me lembrou muito de Homem-Aranha. i.i'

Ariadne Celinne disse...

O mundo é pesado demais para se carregar sozinho. Diminuir ou dividir as responsabilidades cai bem.

Eilahhh disse...

se ele te passou um pouco do peso, é pq conhece o tanto que você aguenta =]

=*